Skip to main content
  • Dom Sancho I
  • Praça Velha
  • Parque Polis
  • Cidade Neve

Notícia

"Guarda Sem Desperdício"

"Guarda Sem Desperdício"

No dia 1 de outubro, no Auditório da sede deliberativa da Freguesia da Guarda - no Centro Cultural e Social de São Miguel -, tivemos o prazer de apresentar o Projeto "Guarda Sem Desperdício".

Foram muitos os que aceitaram o nosso convite, enchendo a referida sala de conferências.

Antecedendo a sessão de apresentação pública do projecto, o seu "embaixador" mostrou o restaurante onde, com dois colegas, desenvolve e aplica o conceito "zero desperdício".
Conceito que dá nome ao seu restaurante Nolla - zero -, na Finlândia.
Mas o chef Carlos Henriques é um jovem qualificado por escolas do distrito da Guarda: 1º na Escola Profissional de Hotelaria de  Manteigas e depois no Instituto Politécnico da Guarda (IPG), em Seia.
Razão que trouxe daí cerca de 3 dezenas de alunos, para conhecerem um projeto na área da restauração que tem vindo a granjear os maiores elogios, por todo o mundo... 
E, para além dos aplausos que suscitou, o chef mostrou uma grande simpatia, respondendo às diversas questões levantadas, particularmente às dos jovens da Escola onde ele também foi aluno.

Após uma pequena pausa, permitindo que os diversos convidados se acomodassem, o Presidente da Junta renovou as boas-vindas, agradeceu a todos a presença e introduziu o Programa da sessão...

Sendo o projeto "Guarda Sem Desperdício" uma proposta de trabalho no âmbito da Economia Circular , foi dada a palavra à representante da Circular Economy Portugal (CEP), uma Associação que tem precisamente como objetivo acelerar a implementação da Economia Circular em Portugal.
Para além de explicar o conceito, foram ainda referidas diferentes formas de alcançar a sua concretização.

Posteriormente, foi a vez da Junta de Freguesia da Guarda apresentar o seu projeto, candidatado ao programa "JUNTAr" promovido pelo  Ministério do Ambiente especialmente para Freguesias, pela proximidade desta instância do poder local com as populações.
Foi explicado o financiamento que o Fundo Ambiental atribuiu à candidatura, bem como os seus grandes objectivos e a forma pensada para a sua operacionalização .

Apesar de já ter sido dado a conhecer o restaurante Nolla, onde impera o conceito "zero desperdício", um princípio fundamental da Economia Circular, o chef Carlos Henriques voltou a mostrar a sua disponibilidade para desempenhar o papel de "embaixador" do Projecto "Guarda Sem Desperdício", proposto pela Junta de Freguesia da Guarda.

Foram então apresentados os parceiros: a CEP, que tem auxiliado a Junta desde a execução da candidatura do projeto; e o IPG, particularmente as suas Escolas de Tecnologia e Gestão (ESTG) e Turismo e Hotelaria (ESTH).
Os alunos do curso "Energia e Ambiente" da ESTG dinamizarão as ações de sensibilização sobre compostagem doméstica.
Enquanto os alunos da ESTH terão a responsabilidade de formação em culinária anti-desperdício alimentar...

Sob esse mote, alguns docentes e discentes desta Escola confecionaram a "Merenda final", refrescando os presentes com "águas aromatizadas" e deliciando-os  com petiscos de desperdícios: como sejam as cascas de batatas!

Agradecemos ainda o apoio da Sarah trading, empresa que recolhe desperdícios têxteis e que deu os tecidos com que serão executados os aventais a oferecer aos formandos do "Clube ReDon": aberto a todos os que quiserem aprender a cozinhar com os Restos De Ontem!
Para exemplificar a ideia, algumas senhoras do atelier sénior de lavores, que funciona na Freguesia, realizaram 2 aventais gigantes, expostos nesse dia, dentro e fora do Edifício.

A todos, sem esquecer o esforço extra exigido aos colaboradores da Freguesia, muito obrigado por todas as ideias e apoio na sua concretização...
Continuamos a querer a Vossa participação.
Brevemente daremos mais notícias!...



 

Vídeo

Galeria de fotos

03-10-2018

Comentários