Freguesia da Guarda - Heráldica

Heráldica

A Heráldica é a “ciência que trata dos brasões”.
O brasão é um conjunto de símbolos heráldicos de uma instituição ou família, os quais representam a sua história e identidade.
O brasão da freguesia pretende ser um símbolo distintivo da sua história/identidade, representando-a.
A nova freguesia da Guarda foi criada pela Lei 11-A de 2013 de 28 de janeiro, por agregação das freguesias de Sé, S. Vicente e S. Miguel da Guarda.
A necessidade de criar novos símbolos heráldicos - Brasão, Bandeira e Selo - respeitou assim o essencial dos brasões existentes anteriormente.
A maqueta do brasão foi enviada para a Comissão de Heráldica da Associação dos Arqueólogos Portugueses para a emissão do respetivo parecer nos termos da alínea p), do art. 9º da lei n.º 75/2013, de 13 de setembro. O Parecer n.º 132/2014 foi favorável.
Este processo foi presente à Assembleia de Freguesia de 20 de dezembro de 2014, onde foi aprovado por unanimidade e transcrito em ata, segundo o disposto no art.º 9.º, n.º 1, p), da lei. Foi ainda publicado no DR-2.ª série, n.º 32 de 16 de Fevereiro de 2015 (edital 128/2015).


Assim, de acordo com a simbologia histórica das extintas freguesias, ficou estabelecida a seguinte constituição:

 

Brasão – escudo de vermelho com os motivos:


Sé – representa a Sé Catedral da Guarda, património da cidade e implantada na ex-freguesia da Sé.

 

Menorá – representa o passado histórico da ex-freguesia de S. Vicente, realçando a judiaria e a contribuição do povo judeu na expansão económica da Guarda.


Perfis de caminho-de-ferro – representam a contribuição do caminho-de-ferro para desenvolvimento da região, situado na ex-freguesia de S. Miguel da Guarda. 


 

Coroa mural – de prata, com quatro torres aparentes;

 

 

Listel – branco com a legenda “Freguesia da Guarda”, a negro.

 

 Bandeira de amarelo; cordão e borlas de ouro e vermelho. Haste e lança de ouro.

Selo, nos termos da lei, com a legenda “Freguesia da Guarda”.

 

De forma a verificar os elementos do novo brasão, herdados dos anteriores, apresentamos os brasões existentes nas anteriores freguesias:

 

- Brasão da anterior freguesia da Sé

Brasão Guarda-Sé


Brasão - escudo de vermelho, coroa mural de prata de três torres; listel de branco, com a legenda a negro "Guarda - Sé". Com os motivos:
- Estrela (representa o Orago da Freguesia, Santa Maria, assim como a Serra da Estrela);
- Coroas Reais (representam os Forais Reais, atribuídos por D. Sancho I, D. Afonso II, D. Dinis e D. Manuel);
- Frontaria da Catedral (representa a Sé Catedral da Guarda, assim como a Monumentalidade da Freguesia e o seu passado histórico).
Bandeira: branca com cordão e borlas de prata e vermelho. Haste e Lança de Ouro.
Selo: Parecer de 21 de Setembro de 2010; D.R.:16 de Maio de 2011, II Série, n.º 94; D.G.A.L: n.º 31/2011 de 30 de Maio de 2011.

 

- Brasão da anterior freguesia de S. Vicente

Brasão Guarda-São Vicente

Brasão com os motivos:
- Corvos (representam o Orago e Topónimo da Freguesia, S. Vicente);
- Menorá (representa a Judiaria, onde se fixaram, por volta do SÉC.XIII, os judeus vindos de Salamanca – artesãos do couro, almocreves, paneiros, etc –, atraídos pela criação da feira de S. Francisco, em 1255; no sec. XV, a área que a judiaria ocupava equivalia a um sétimo da superfície total da cidade, sendo habitada por mais de cem famílias);
- Estrela (representa a localização da cidade, na encosta norte da Serra da Estrela).
Selo: Parecer Emitido a 17 de Dezembro de 2004; estabelecido em Assembleia de Freguesia a 27 de Janeiro de 2005. Publicado em D.R.III SÉRIE, n.º 37 de 22 de Fevereiro de 2005. Registado na DGAL com o n.º 89/2005 de 2 de Março.

 

 - Brasão da anterior freguesia São Miguel da Guarda

Brasão São Miguel da Guarda

Brasão: Escudo de ouro, três perfis de carril de negro, alinhados em faixa, entre uma balança de púrpura, com espada de lâmina flamejante, abatida e sobreposta, do mesmo e uma roda dentada de azul. Coroa mural de prata de três torres. Listel branco, com a legenda a negro “S. Miguel da Guarda”. Os motivos:
- Balança com espada flamejante, de púrpura a representar S. Miguel.
- Três carris de comboio, de negro a simbolizar a importante estação ferroviária da Guarda – Gare.
- Roda dentada, de azul a representar a indústria existente na Freguesia.
Bandeira: Cor Azul. Cordão e borlas de ouro. Haste e lança de ouro.
Selo: Nos termos da Lei, com a legenda: "Junta de Freguesia de S. Miguel da Guarda - Guarda". Parecer emitido nos termos da Lei n.º 53/91, de 7 de Agosto.